ufla

 

 

 

   
  ASPARAGACEAE
   
 
Classificação Científica

Divisão: Magnoliophyta
Classe: Liliopsida
Ordem: Asparagales
Família: Asparagaceae
Gênero: Asparagus
Espécie: A. Densiflorus “Myersii”
 
Descrição botânica
Família composta por ervas, lianas de arbustos, perenes, rizomatosas, também acaules, com folhas bastante reduzidas, escamiformes e escanosas, em forma de agulhas, armadas por espinhos, de inserção alterna e espiralada. Inflorescência paniculada, com flores geralmente brancas, sem valor ornamental, que resultam em frutinhos vermelhos; flores bissexuadas, actinomorfas, diclamídeas, homoclamídeas; cálice e corola trímeros; estames em número de 6; gineceu gamocarpelar, com 3 carpelos, ovário súpero trilocular, com 2 óvulos por lóculo pluriovulados, placentação axial. Frutos normalmente do tipo baga.
 
Ocorrência
A família Asparagaceae é formada por apenas 2 gêneros com todas as espécies originárias de regiões fora da América Tropical. O mais conhecido e cultivado no Brasil é o Asparagus com ocorrência na Ásia Tropical e África do Sul, perfazendo um total de mais de 200 espécies, quase a totalidade da família.
 
Uso paisagístico
A maior parte das espécies de Asparagus são cultivadas em função de sua folhagem, principalmente em locais suspensos como jardineiras e vasos, considerando que as variedades mais conhecidas apresentam caules longos e pendentes. Podem ser plantas tanto à meia-sombra como a pleno sol. O outro gênero da família, Hemiphylacus, ainda é desconhecido entre nós.
 
Gêneros
 
 
Asparagus, Hemiphylacus.
 
 
Principais espécies
 
Foto: J. B. Sodré
Asparagus densiflorus “Myersii”
 
Descrição
Planta originária da África do Sul, herbácea, rizomatosa, entouceirada, acaule, com ramagem ereta, recoberta de folhas em forma de agulhas e espinhos, produzindo aspecto denso e muito ornamental. Inflorescência pouco significativa, formado por pequenas flores brancas que se transformam em frutinhos vermelhos quando maduros. Multiplica-se por divisão da planta.
 
Uso paisagístico
Planta para cultivo, preferencialmente à meia-sombra, na composição de renques ao longo de paredes e muros, também preenchendo espaços de vasos e jardineiras suspensas. Sua folhagem pode ser usada para arranjos de flores.
 
 
 
Foto: J. B. Sodré
Asparagus densiflorus “Sprengeri”
 
Descrição
Planta originária da África do Sul, herbácea, rizomatosa, com ramagem fina e delicada, pendente, revestida de numerosos espinhos e folhas em forma de agulhas, muito pequenas. Inflorescência representada por flores discretas, brancas, que surgem ao longo das hastes e se transformam em frutinhos vermelhos, muito decorativos. Propaga-se em qualquer época do ano por divisão ou sementes.
 
Uso paisagístico
Planta cultivada preferencialmente à meia-sombra, ideal para locais suspensos na composição de vasos e jardineiras. Também utilizada nos canteiros como bordadura ou renque ao longo de muros, paredes ou grades.
 
Outras espécies
 
Foto: J. B. Sodré
Asparagus myriocladus
 
 
 
Foto: J. B. Sodré
Asparagus setaceus