ufla

 

 

 

   
  ALLIACEAE
   
 
Classificação Científica

Divisão: Magnoliophyta
Classe: Liliopsida
Ordem: Asparagales
Família: Alliaceae
Gênero: Tulbaghia
Espécie: T. violacea
 
Descrição botânica
Família composta por ervas perenes ou anuais, com caules subterrâneos, principalmente bulbos, além de cormos e rizomas comumente aromáticos. Folhas inteiras, lineares ou lanceoladas, às vezes, também aromáticas, alternas dísticas ou espiraladas, com nervação paralelinérvea. Inflorescência cimosa, freqüentemente umbeliforme, sustentada por hastes finas e altas, sobressaindo acima da folhagem; flores vistosas, bissexuadas, normalmente actinomorfas, diclamídeas homoclamídeas; cálice e corola geralmente unidos entre si, trímeros; estames freqüentemente em número de 6, anteras rimosas, nectários septais presentes; gineceu gamocarpelar, ovário súpero, trilocular, lóculos pluriovulados, placentação axial. Frutos tipo cápsula.
 
Ocorrência
Família amplamente distribuída, representada por espécies originárias de áreas temperadas, subtropicais e tropicais, excetuando-se Ásia e Austrália que apresentam menor quantidade de representantes. Totalizam aproximadamente 800 espécies dentro de 20 gêneros. No Brasil existem poucas espécies, todas, sem importância ornamental.
 
Uso paisagístico
Apenas o gênero Tulbaghia, representado pela espécie T. violácea é conhecido no paisagismo. Espécies do gênero Allium, também muito ornamentais, ainda não são cultivadas em nossos jardins. Contudo, algumas plantas apresentam significativa importância na alimentação como A. sativum (alho), A. cepa (cebola) e A. porrum (alho-porró).
 
Gêneros
 
 
Allium, Tulbaghia
 
 
Principais espécies
 
Foto: J. B. Sodré
Tulbaghia violacea
 
Descrição
Planta herbácea, originária da África do Sul, entouceirada, atingindo até 50cm de altura, com folhas lineares, bastante longas, acanaladas, meio carnosas, com marcante aroma de alho. Inflorescências acima da folhagem, ralas, formadas por umbelas na cor lilás, lembrando conjuntos estrelados. Existem, ainda, plantas variegadas e tricolores. Reproduzem-se por divisão de bulbos ou sementes.
 
Uso paisagístico
Plantas cultivadas a pleno sol, interessante para formação de maciços em grandes áreas ou criando bordaduras em meio aos canteiros ajardinados; quando floridas, apresentam interessante contraste da folhagem verde-escura com as inflorescências arroxeadas.